Bem vindo ao portal do comércio de bens, serviços e turismo brasileiro

Setor de comércio e serviços é destaque em relatório da Suframa

Compartilhe essa publicação:

No dia 1º de fevereiro, a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) apresentou dados do Sistema de Mercadoria Nacional (SIMNAC).

De acordo com o relatório, houve aumento médio de 38,54% no valor nominal de Protocolos de Entrada de Mercadoria Nacional (PINs) internados em 2021, na comparação com 2020, nos cinco estados da área de abrangência da Zona Franca de Manaus ( Amazonas, Acre, Rondônia, Roraima e Amapá).

O destaque fica com uma participação relevante no setor de comércio e serviços. De acordo com a nota da autarquia federal, “os dados ajudam a refletir um segmento de serviços para toda a região, uma vez que, uma vez que, nos estados analisados, a atividade econômica de forma absoluta de valores nacionais. No Estado do Amazonas, o setor de comércio e serviços comprou R$ 17,60 bilhões em mercadorias nacionais, isso representa uma participação de aproximadamente 52% no total”.

*Fonte: Suframa

Scroll to Top