Os dados foram comparados com os 12 meses de 2018, quando o faturamento das farmácias do Brasil tinha sido de R$ 112,4 bilhões.

“O crescimento do mercado farmacêutico em 2019 foi muito superior ao do PIB, que deve ficar em torno de 1% a 2%. Isso já é motivo de comemoração mas, se comparado com os índices do mercado farma registrados em 2018, o crescimento foi ainda maior, sendo que esse havia sido de 5,4%”, explica o presidente da Febrafar, Edison Tamascia.

 (Fonte: Diário do Comércio)