A Fecomércio RJ e o Sebrae Rio promoveram, nos dias 26 e 27 de julho, uma série de encontros do Rio Empreender Criativo. Em encontros remotos por zoom, a iniciativa debateu as oportunidades de empreender nas diversas áreas da economia criativa para cobrir os cinco distritos do projeto e em temas como alimentação, nutrição, gastronomia, educação, audiovisual, arte, cultura e entretenimento, teatro, música e turismo.

“A Fecomércio RJ entende que a economia criativa gera, principalmente, a renovação do mercado. E é, exatamente, no desenvolvimento empresarial que ela será aplicada”, destacou Thiago Vieira, da Gerência de Produtos da Fecomércio RJ.

A ideia do Rio Empreender Criativo é propor estratégias para o desenvolvimento da economia criativa em regiões com elevado potencial na cidade do Rio de Janeiro, organizando as demandas por inovações e transformando o potencial da cidade em efetiva oportunidade de recursos, com geração de empreendimentos.

“A nossa parceria é fruto do entendimento entre instituições sobre a importância em promover setores estratégicos para a nossa economia. Nosso objetivo é conectar os principais agentes da economia criativa para reposicionar, capacitar e qualificar estrategicamente as vocações desta importante cadeia produtiva”, reforçou Sergio Malta, diretor de Desenvolvimento do Sebrae Rio.